3 Photos: FOUNTAIN / Fonte de Vale de Serrão, Castelo de Vide, Portugal

FOUNTAINS  CASTELO%20DE%20VIDE  HOMEPAGE
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Fonte de Vale de Serrão de Castelo de Vide, Portugal (Fountain)Fonte de Vale de Serrão de Castelo de Vide, Portugal (Fountain)

Fonte de Vale de Serrão de Castelo de Vide, Portugal (Fountain)

 

 
 
GOOGLE MAPS: OPEN MAP 
 
Originally located in Vale Serrão, parish of São João Baptista, this historic fountain is currently integrated into one of the entrances to the village. The date of its construction is unknown. However, it is known that it was acquired by the Parish Council of Santa Maria da Devesa, an antiquarian of the village on October 10, 2000, and placed in São Vicente Ferrer in 2004, when the project to upgrade the Boavista - Moutosa zone . This fountain has a central body made up of a wall of mortar covered with fine plaster and painted white, where the frontispiece was embedded. It has a rectangular shape and is formed by well-cut granite blocks.
 
The water runs from the brass spout to a sink and is then conducted through a canal into a small tank built in front of the fountain. The central body is flanked by two long granite benches, symmetrical, copiously carved. The seats and their seatbacks rest on three legs where the ends are extended to serve as an arm. Some of these elements were remade, respecting the original layout, to replace those that were damaged.
 
Originalmente situada no Vale Serrão, freguesia de São João Baptista, esta fonte histórica está actualmente integrada numa das entradas da vila. Desconhece-se a data da sua construção. No entanto sabe-se, que foi adquirida pela Junta de Freguesia de Santa Maria da Devesa, a um antiquário da vila a 10 de Outubro de 2000, e colocada em São Vicente Ferrer em 2004, aquando o projecto de valorização da zona Boavista - Moutosa. Esta fonte tem um corpo central constituído por um muro de argamassa revestido a um reboco fino e pintado de branco, onde foi incrustado o frontispício. Este tem uma forma rectangular e é formado por blocos graníticos bem talhados.

A água corre da bica em bronze para uma pia sendo depois conduzida através de um canal para um tanque de pequenas dimensões, construído à frente da fonte. O corpo central é ladeado por dois bancos compridos de granito, simétricos, copiosamente talhados. Os bancos e os respectivos encostos assentam sobre três pés em que os das extremidades são prolongados de modo a servir de braço. Alguns destes elementos foram refeitos, respeitando o traçado original, para substituição dos que se encontravam danificados.