Photos of Village of Castelo de Vide & Póvoa e Meadas, Portugal and Other Countries...

2 Photos: MENHIR / Anta da Barragem da Tapada Grande, Castelo de Vide, Portugal

MENHIRS  CASTELO%20DE%20VIDE  HOMEPAGE
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

MENHIR / Anta da Barragem da Tapada Grande, Castelo de Vide, PortugalMENHIR / Anta da Barragem da Tapada Grande, Castelo de Vide, Portugal


 


 
Built during the Roman period, the "Tapada Grande Dam" is located on a pasture land with olive trees and cork oaks.

Constructed by a masonry wall in opus incertum, a little more than half a meter thick, this structure was erected in a depression between two elevations observed in the above ground, and was reinforced downstream by a mass of triangular section, currently quite deteriorated. Composed of an almost rectilinear railing, this monument was intended for the abstraction of rainwater, functioning, therefore, in its origin, as a dam for agricultural purposes.

In the vicinity of the dam were recorded several material evidence that seems to confirm a certain continuity recorded in the human activities developed in this area during the Roman and medieval period, namely in agricultural and funerary terms, the latter evidenced in the characteristic burials excavated in the rock. [AMartins]
 
 
Construída durante o período romano, a "Barragem da Tapada Grande" está localizada num terreno de pastagem com oliveiras e sobreiros.

Constituída por um muro de alvenaria em opus incertum, de pouco mais de meio metro de espessura, esta estrutura foi erguida numa depressão existente entre duas elevações observadas no sobredito terreno, tendo sido reforçada a jusante por um maciço de secção triangular, actualmente bastante deteriorado. Composto de uma amurada de planta quase rectilínea, este monumento destinava-se à captação de águas pluviais, funcionando, por isso, na sua origem, como açude para fins agrícolas.

Nas imediações da barragem foram registados diversos indícios materiais que parecem confirmar uma certa continuidade registada nas actividades humanas desenvolvidas nesta área durante o período romano e medieval, designadamente em termos agrícolas e funerários, estes últimos evidenciados nas características sepulturas escavadas na rocha. [AMartins]